31-01-13 – vai que é sua, conzinha minha

Eu aqui em plena lua de mel com meu pão com manteiga, imaginando-me um monge tibetano com sua dieta deliciosamente simples que em si já é boa resma de meditação, dando um leve passeio despretencioso e humilde, já vem a sem vergonha corrompida volumosa da Nutella me tentar.

Engasgo, patria-amada, famélico.

Careta estou, permanecerei até segunda determinação.

Boa noite, boa sorte, até mais ver.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>